Igor Caldas
Do Mais Goiás

Alta de combustíveis é atrativo para montadora de carros elétricos em Aparecida de Goiânia

Reunião entre representantes de motoristas por aplicativo, prefeitura de Aparecida e JAC Motors pautam o tema

O valor do litro da gasolina se aproxima dos R$ 6 na Região Metropolitana de Goiânia e se transforma em mais um atrativo para venda de carros elétricos em Goiás. Neste cenário, a JAC Motors está estudando instalar uma montadora de automóveis em Aparecida de Goiânia. O tema foi discutido em reunião entre representantes da empresa, Cooperativa de Transporte Individual Privado de Goiás (COOP-GO) e Prefeitura de Aparecida de Goiânia na última segunda-feira (1).

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), há mais de 30 mil motoristas por aplicativo em Goiás. Gerente geral da JAC Motors em Brasília, Roberto Sandes, afirma que o alto número de veículos que compõem a frota em Goiás é um atrativo para a introdução de carros elétricos no mercado regional.

Roberto ainda afirma que há interesse em uma parceria entre a Prefeitura de Aparecida de Goiânia e a JAC Motors para instalação de uma montadora no município. “Vamos marcar uma reunião entre a Prefeitura de Aparecida de Goiânia e o presidente da JAC Motors no Brasil, Sérgio Habib para discutir as tratativas”, afirma.

De acordo com Roberto Sandes, os principais atrativos do município para a instalação da fábrica chinesa são o fator geográfico para escoamento de cargas para todo o Brasil, a proximidade com o Porto Seco de Anápolis e o projeto da construção de um aerporto empresarial na cidade. Além disso, Roberto destaca que a alta dos combustíveis se tornou um atrativo para a compra de carros elétricos e também para a instalação de fábricas desse segmento no país. Segundo o gerente geral da JAC Motors em Brasília, a procura por modelos elétricos na regional de Brasília aumentou mais de 200%.

Custo operacional

Desde o início do ano, a gasolina sofre alta acumulada de 41% do preço por litro. De acordo com a Cooperativa de Transporte Individual Privado de Goiás (COOP-GO), a alta no valor de combustíveis faz com que a opção por carros elétricos diminua os custos operacionais de motoristas por aplicativo. “Apesar de ser mais caro que os carros movidos a motor térmico, o carro elétrico reduziria em quase 50% o custo por quilômetro rodado”, diz.

Além disso, Marcelo pontuou que por meio de solicitações da cooperativa, a JAC Motors fez alterações nos modelos de carros elétricos para barateamento do preço. “Pedimos algumas mudanças como a retirada das rodas de liga leve e revestimento de couro nos assentos para que o preço fique mais atrativo aos motoristas por aplicativo”, afirma. Após alterações feitas, o valor de um modelo de carro elétrico da JAC Motors à vista cai de R$ 179 mil para R$ 109 mil.

Crédito e parcelamento

Marcelo ainda diz que as opções de parcelamento do veículo somado aos custos operacionais de transporte cabem no bolso dos motoristas de aplicativo. “Pelos nossos cálculos, o financiamento do carro elétrico no valor de R$ 109 mil, mais o custo de quilômetro rodado fica em média R$ 2500”, revela o presidente da COOP-GO. Segundo ele, o gasto médio de combustíveis por motoristas por aplicativo com carro próprio chegam a R$ 3 mil mensais.