AGROTÓXICOS

Agricultura libera o registro de mais 36 defensivos agrícolas genéricos

Assim, desde janeiro, o Ministério da Agricultura liberou o registro de 474 agrotóxicos, sendo 94,5% genéricos


Estadao Conteúdo
Estadao Conteúdo
Do Estadao Conteúdo | Em: 27/12/2019 às 14:21:02

(Foto: iStock)
(Foto: iStock)

O Ministério da Agricultura aprovou o registro, nesta sexta-feira, 27, de 36 defensivos agrícolas genéricos, conforme consta no Diário Oficial da União (DOU), no ato 91, do Departamento de Sanidade Vegetal e Insumos Agrícolas da Secretaria de Defesa Agropecuária. Destes, 4 são biológicos ou orgânicos.

Assim, desde janeiro, o Ministério da Agricultura liberou o registro de 474 agrotóxicos, sendo 94,5% genéricos.

A pasta explica em seu site que os defensivos genéricos contêm ingredientes ativos que já estavam presentes em outros produtos existentes no mercado, mas cuja patente expirou. Depois que uma patente expira, “outras empresas podem registrar novos produtos à base do princípio ativo”.

“O objetivo da aprovação de produtos genéricos é aumentar a concorrência no mercado e diminuir o preço dos defensivos, o que faz cair o custo de produção”, assinala o ministério.