Maus tratos

Agressor de cachorro em Divinópolis (MG) não se apresenta à Polícia e família é ameaçada

Em vídeo divulgado pelo rapaz nas redes sociais ele afirmou que se apresentaria à delegacia nesta segunda-feira (21)


Murillo Soares
Do Mais Goiás | Em: 21/01/2019 às 19:48:35

(Foto: Reprodução/Instagram @luisamell)
(Foto: Reprodução/Instagram @luisamell)

O autor do vídeo que mostra agressão a um cachorro em Divinópolis (MG) havia dito que se apresentaria à Polícia Civil (PC) nesta segunda-feira (21). Entretanto, ele não apareceu. A família de Carlos Adriano diz estar sendo ameaçada por pessoas que vão até a casa procurando pelo rapaz.

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o homem assume a autoria da agressão ao animal, pede desculpas dizendo que foi uma brincadeira de mal gosto, e se justifica dizendo que o cachorro estava doente e por isso teria que ser sacrificado de qualquer forma. Ele diz ainda que o caso foi em setembro, mas só agora viralizou na web, gerando comoção.

Um inquérito pela prática de maus tratos já foi instaurado pela PC. Carlos Adriano pode ser enquadrado no artigo 32 da lei de crimes ambientes. A pena prevista para estes casos pode chegar a 1 ano e 4 meses de prisão.

*Larissa Lopes é integrante do programa de estágio do convênio entre Ciee e Mais Goiás, sob orientação de Thaís Lobo