Política

Aécio chama Joesley de ‘criminoso confesso’ e diz que ações foram desnecessárias

De acordo com a PF, o Grupo J&F, dos irmãos Batista, pagou propina, a pedido de Aécio, de R$ 109,3 milhões ao senador, seu partido e outras legendas

Estadao Conteúdo | Postado em: 11/12/2018 às 18:57:14
Aécio chama Joesley de ‘criminoso confesso’ e diz que ações foram desnecessárias
(Foto: Reprodução)


Compartilhe



Compartilhe