Anápolis

Adolescente é apreendido suspeito de agredir motorista de aplicativo que recusou viagem

Durante a confusão, adolescente também quebrou a porta de um hospital e só foi controlado após a chegada da PM

Cidades

Jessica Santos
Do Mais Goiás | Em: 31/01/2020 às 13:04:37

Um adolescente foi apreendido em Anápolis suspeito de agredir um motorista de aplicativo que recusou a fazer uma corrida com o menor. (Foto: Reprodução)
Um adolescente foi apreendido em Anápolis suspeito de agredir um motorista de aplicativo que recusou a fazer uma corrida com o menor. (Foto: Reprodução)

Um adolescente, de 17 anos, foi apreendido em Anápolis, na madrugada de quinta-feira (30). Ele é suspeito de agredir um motorista de aplicativo que recusou a fazer uma corrida com o menor. Jovem também quebrou parte do veículo e a porta do Hospital de Queimaduras do município. As informações são da Polícia Militar (PM).

Conforme consta no registro da corporação, o motorista, de 51 anos, recebeu uma solicitação de viagem do perfil de uma mulher. Ao chegar no local, no entanto, o homem se deparou com o adolescente e um outro rapaz que afirmaram ter pedido a corrida no aplicativo.

Aos policiais, o motorista afirmou que ficou com receio de dar prosseguimento à corrida e disse que não faria a viagem. O garoto, então, tentou entrar no veículo e passou a quebrar o carro e a agredir o proprietário do automóvel. Durante a confusão, o adolescente ainda quebrou a porta do hospital e só foi controlado após a chegada dos militares.

O jovem foi apreendido e encaminhado à Central de Flagrantes da cidade. Ele foi autuado por ato infracional análogo aos crimes de lesão corporal, dano ao patrimônio público e ameaça.

Em nota, o Hospital de Queimaduras de Anápolis agradeceu o apoio recebido pela sociedade e autoridades, e “reafirma seu compromisso com a população, no sentido de prestar um atendimento digno aos pacientes, sempre de acordo com o alto grau de responsabilidade e de eficiência que o classificou como referência no Brasil”.