Do Mais Goiás

Acidentes nas BRs em Goiás deixaram 5 feridos por dia na 1ª quinzena de Abril

Número é menor em comparação a outros anos, mas a gravidade dos casos ainda preocupa autoridades

Com acidentes graves aumentando, PRF foca em prevenção durante a Semana Santa
Veículos (Foto: Jucimar de Sousa / Mais Goiás)

Durante os primeiros 15 dias do mês de abril, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou mais de 64 acidentes nas rodovias federais que cortam o estado de Goiás. Como consequência disso, pelo menos cinco pessoas ficam feridas todos os dias.

Ao Mais Goiás, a PRF explicou que não é possível divulgar o que teria causado cada um dos acidentes. Isso porque, a motivação é base da perícia e precisa ser avaliada separadamente.

O que se pode avaliar, de acordo com os agentes, é que apesar de ainda existirem pessoas se ferindo todos os dias, o número de acidentes é menor do que o computado nos anteriores.

Um levantamento feito pela corporação, revelou que o número de mortes neste primeiro trimestre de 2021 se iguala ao de todo ano de 2017, contabilizando 50 óbitos. Entretanto, o que preocupa os policiais é a gravidade dos casos.

Motociclista morreu na hora (Foto: reprodução/PRF)

Motociclista morreu na hora (Foto: reprodução/PRF)

Em abril de 2021, um homem de 36 anos morreu ao bater a motocicleta em que estava contra uma carreta. A colisão frontal ocorreu no Quilômetro 267 da BR-153, município de Nova Glória – Norte de Goiás.

Ainda segundo o levantamento, as causas predominantes dos acidentes são a falta de atenção por parte de motoristas e pedestres, a ingestão de bebidas alcoólicas e defeitos mecânicos em veículos. Por isso, a PRF reforça “No trânsito, sua responsabilidade salva vidas”.

Ultrapassagens proibidas

Números que têm chamado atenção das autoridades são os de ultrapassagens proibidas. Nos últimos 15 dias, foram registradas mais de 1.430 autuações por esse tipo de infração.

Durante o feriado da Semana Santa a quantidade de condutores autuados ultrapassou o número registrado no período de Natal e Ano Novo. No fim do ano, foram 1.803 motoristas. Já no último feriado, dos dias 01 a 4 de abril, foram 1.103 registros.

Cinto de segurança

Em números também consideráveis, na primeira quinzena de abril, foram registradas 379 autuações por falta do uso do cinto de segurança, por passageiros e condutores, que trafegavam pelas rodovias que cortam Goiás. Deste total, 227 autuações aconteceram somente durante o feriado da Semana Santa.

Embriaguez ao volante

Casos que vêm diminuindo são os de motoristas flagrados conduzindo os veículos sob efeito de álcool. Entretanto, como comentou a PRF, quando acontecem acidentes causados pela embriaguez, são graves.

Nos últimos 15 dias, foram mais de 42 motoristas autuados por estarem dirigindo embriagados. Em um dos casos, uma moto invadiu a pista contrária da BR-050, por volta das 23 horas de quarta-feira (7), e bateu de frente com uma carreta.

Carreta de farelo de soja atingida no acidente (Foto: PRF)

Apesar do motorista da carreta ter tido apenas lesões corporais leves, o outro condutor, que estava bêbado, ficou gravemente ferido e teve de ser transferido para atendimento médico em Goiânia, em função da gravidade.