FolhaPress

Abastecer com Etanol no Brasil só é vantajoso em Goiás e outros 3 estados

No trimestre de 2021, a gasolina apresentou um aumento acumulado de 21,75%. Etanol subiu 24,57%

Equipes de postos de combustíveis atualizam preços de gasolina e diesel, mais caros a partir desta sexta (19) (Foto: Jucimar de Sousa/Mais Goiás)
Equipes de postos de combustíveis atualizam preços de gasolina e diesel (Foto: Jucimar de Sousa/Mais Goiás)

No primeiro trimestre do ano, o preço da gasolina sofreu seis aumentos nas refinarias. A variação que acompanhou as mudanças na cotação internacional do barril de petróleo. Nesse espaço de tempo, teve também duas reduções, ambas na segunda quinzena de março. No mesmo período, o etanol também encareceu, mas sem acompanhar o ritmo acelerado do combustível derivado do petróleo. No trimestre de 2021, a gasolina apresentou um aumento acumulado de 21,75%. Já o valor do etanol subiu 24,57% no mesmo período.

Com isso, o número de estados nos quais vale a pena abastecer com etanol caiu de sete Estados em fevereiro para apenas quatro em março, sendo dois no Centro-Oeste e dois no Sudeste. Obtidos com exclusividade por UOL Carros, os dados são da empresa de logística e gestão de frotas Ticket Log.

“Ao considerar agora as médias de preços registradas em março, as regiões Norte, Nordeste e Sul não têm sequer um estado em que o etanol seja mais vantajoso. No Sudeste, São Paulo e Minas Gerais se mantêm como estados para abastecer com o combustível. E no Centro-Oeste, Mato Grosso e Goiás seguem com o etanol como a opção mais indicada para os consumidores que desejam economizar ao abastecer”, diz Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil, dona da Ticket Log.

Como é feito o cálculo

A definição dos Estados onde o etanol é mais vantajoso tem como base o IPTL (Índice de Preços Ticket Log).

O índice aponta o custo em reais por quilômetro rodado, levando em conta o preço médio do litro do combustível e o consumo médio – fixado em 8,5 km/l para o álcool e em 11,5 km/l para a gasolina. Evidentemente, há variações, dependendo do veículo.

É preciso considerar que o combustível de origem vegetal eleva o consumo em aproximadamente 30%, com variação para baixo ou para cima. Por esse motivo, só vale a pena usar etanol quando a diferença no preço supera percentualmente o gasto extra de combustível.
Veja onde vale mais a pena abastecer com etanol*

+ Goiás
– Preço médio do litro do etanol: R$ 4,201
– Custo por km rodado com etanol: R$ 0,494

– Preço médio do litro da gasolina comum: R$ 5,820
– Custo por km rodado com gasolina comum: R$ 0,506

+ Mato Grosso
– Preço médio do litro do etanol: R$ 4,106
– Custo por km rodado com etanol: R$ 0,483

– Preço médio do litro da gasolina comum: R$ 5,667
– Custo por km rodado com gasolina comum: R$ 0,493

+ Minas Gerais
– Preço médio do litro do etanol: R$ 5,902
– Custo por km rodado com etanol: R$ 0,513

– Preço médio do litro da gasolina comum: R$ 5,311
– Custo por km rodado com gasolina comum: R$ 0,462

+ São Paulo
– Preço médio do litro do etanol: R$ 3,898
– Custo por km rodado com etanol: R$ 0,459

– Preço médio do litro da gasolina comum: R$ 5,332
– Custo por km rodado com gasolina comum: R$ 0,464